quarta-feira, 6 de março de 2019

BACABEIRA: AUTORIDADE POLICIAL EXPLICA QUE FESTA CARNAVALESCA EM PERI DE BAIXO OCORREU EM LOCAL IMPRÓPRIO


Em busca da verdade, o blog procurou o delegado de policia civil de Bacabeira, Dr Ednaldo Santos, para se pronunciar a respeito de um episodio ocorrido no domingo de carnaval, no distrito de Peri de Baixo, Bacabeira, onde foi acusado de tentar impedir por questões políticas, a realização de uma festa carnavalesca (Encontro de Blocos). 

Santos explicou que de fato havia emitido Licença para que o evento acontecesse em frente a um churrasquinho, só que os organizadores não detalharam que o local seria em frente ao posto de saúde daquela localidade. 

Ao tomar conhecimento de que o palco estava sendo montado, a polícia se deslocou para a área a fim de evitar que o barulho estarrecedor viesse a prejudicar qualquer que estivesse dentro do recinto, bem como entrada e saída de ambulâncias, ocasião em que gentilmente pediu que se deslocassem para outro local, obedecendo a uma distância de no mínimo 200 metros da casa de saúde. Diante do impasse, os organizadores entenderam que o objetivo da polícia seria prejudicar a realização da festa.



O que seria uma brincadeira de carnaval se transformou em questão política, pois supostos lideres políticos locais interferiram com ligações para autoridades de segurança e campo político do estado, como não obtiveram êxito, entraram com mandado de segurança junto à comarca de Rosário, só que no documento não deixaram claro que o evento seria feito em frente à Unidade Básica de Saúde, apenas que a polícia estava impedindo o andamento da festa carnavalesca. 



Com intuito de esclarecer os fatos, o delegado Ednaldo Santos encaminhou resposta a Juíza Karine Lopes de Castro, a cerca do caso.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Compartilhe