domingo, 24 de fevereiro de 2019

BÚFALOS SÃO ABATIDOS EM SINAL DE PROTESTO, NA ZONA RURAL DE BACABEIRA

Animais estão causando conseqüências graves para os moradores dos campos naturais


Moradores da Comunidade Zé Pedro, zona rural de Bacabeira, protestaram contra o aumento na criação de búfalos nos campos inundáveis que compreende o povoado. Para chamar atenção das autoridades, três animais foram abatidos, na manhã deste domingo (24), por um grupo de manifestantes que exigem o fim dessa atividade explorada por fazendeiros que buscam a cada dia novas áreas para expansão dos rebanhos. 

A carne dos animais foram levadas para delegacia de policia civil da cidade, afim de que seja tomadas providências quanto ao problema. 


Segundo integrantes do movimento, os búfalos estão causando conseqüências avassaladoras para o ecossistema, além de efeitos econômicos e sociais aos trabalhadores rurais que vivem na região, visto que os proprietários deixam os animais soltos no local e só recolhem para o abate. 

O presidente da associação dos criadores do município, Claudionor Lima Dessa, se posicionou contra a atitude dos criadores em manter os animais soltos. Ele acrescentou que o ideal seria permanecer com os bichos presos em cercados, lembrando que já havia avisado para um possível conflito. 

A presidente da união de moradores de Zé Pedro, Célia Rocha, explicou que um decreto assinando pelo ex-governador Edson Lobão, prevê a retirada de cercas e búfalos dos campos naturais, o que não está sendo cumprido pelos criadores. Ainda segundo ela, um boletim de ocorrência foi registrado e uma audiência entre as partes envolvidas está marcada para acontecer no inicio da próxima semana. O objetivo é por fim ao impasse.

Um comentário:

  1. Tlvz assim eles procuram mantem-los em cercados como é correto!! Se todos tomassem essa atitude, tlvz muitos não seriam tão prejudicado.

    ResponderExcluir

Compartilhe