quarta-feira, 2 de agosto de 2017

PREFEITOS DA REGIÃO METROPOLITANA SE REÚNEM COM GOVERNO DO ESTADO PARA DISCUTIREM GESTÃO INTEGRADA DE RESÍDUOS SÓLIDOS

NO ENCONTRO TAMBÉM FICOU DEFINIDO A REALIZAÇÃO DA 1ª CONFERÊNCIA METROPOLITANA PARA OS DIAS 10 E 11 DE OUTUBRO.


O Colegiado Metropolitano da Região Metropolitana da Grande São Luís (RMGLS) esteve reunido, na manhã desta terça-feira (1º), para cumprir mais uma etapa para a gestão plena da governança. Em encontro no Palácio dos Leões, o governador Flávio Dino, secretários de Estado e representantes dos 13 municípios que compõe a região definiram a realização da 1ª Conferência Metropolitana para os dias 10 e 11 de outubro. Na ocasião, eles iniciaram o debate sobre o Plano Metropolitano de Gestão Integrada de Resíduos Sólidos. 

A reunião deu início ao diálogo sobre a pauta temática de interesse comum para atender a população da RMGSL, que atualmente está estimada em mais de 1,6 milhões de pessoas. A escolha da data, após debate com o Colegiado, da 1ª Conferência Metropolitana – a ser realizada nos dias 10 e 11 de outubro – é mais um passo concreto para a construção da estrutura de governança interfederativa, que terá o processo concluído ainda em 2017, para que as ações e projetos estratégicos possam começar a ser implementados. 

Resíduos Sólidos

Tema levantado na última reunião do Colegiado Metropolitano pelos prefeitos, a questão da gestão integrada dos resíduos sólidos começou a ser discutida com a sugestão da Agência Metropolitana de um Plano Metropolitano de Gestão Integrada, em que o Governo do Estado arcaria com 50% dos custos e os municípios com o restante da contrapartida. A proposta foi aceita pelos gestores municipais.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Compartilhe